terça-feira, 9 de setembro de 2014

PIQUETE-SP ESPAÇO COLONAI, RECONHECIDO VALOR HISTÓRICO, ARTISTICO, E CIENTIFICO, CAMINHO DO OURO, ESPAÇO DE MEMÓIRIA DA ESCRAVIDÃO E DO TRAFICO ATLÂNTICO DE ESCRAVOS, ESTRADA REAL DO SERTÃO, CONHECIDA COMO ESTRADA GERAL, CAMINHO DOS PAULISTAS, QUE LIGAVA O LITORAL DO BRASIL PARTIDO DO RIO DE JANEIRO, À CAPITAL DE GOIÁS, O ARRAIAL DE VILA BOA.

A ESTRADA DE MINAS PARA GOIÁS - A PICADA DE GOIÁS .
 
Presidente Olegário/MG
Foto: Helder Vitor 

(Darcy Ribeiro)
(Transcrição) - Mundo goiano meu de velhas estradas minhas, acabadas, perdidas. As estradas novas, alheias, aí estão cruzando tudo. Se fazem e se refazem, retíssimas. Asfaltadas, caminham correndo em cima de automóveis, velozes, sem saber se o cerrado está seco ou florido. Sem ver ninguém. Ou só vendo uma pedra, uma casa, um poste na beira do caminho. Aquilo é um homem, uma mulher ou uma coisa?
( Darcy Ribeiro )
Continuação da Estrada Real, a Picada de Goiás, também conhecida por Estrada Geral, ligava o litoral do Brasil, partindo da cidade do Rio de Janeiro, à capital da capitania de Goiás, o arraial de Vila Boa. Naturalmente, esse caminho passava pela Vila de Barbacena e pela histórica São João Del Rei, cidade que, nos planos dos inconfidentes de Vila Rica, seria elevada à condição de capital do sonhado país independente. O importante centro comercial das Minas Gerais também deve sua origem à febre do ouro e, entre tantos eventos memoráveis, assistiu de perto aos trágicos acontecimentos do capão da traição
(13), importante memória dos acontecimentos da Guerra dos Emboabas. Desde cedo, São João Del Rei demonstrou vocação mercantil, fornecendo às áreas de mineração os mais diversos produtos que o ouro podia comprar.
De São João Del Rei a estrada seguia para o oeste, atravessando uma imensa área, praticamente despovoada, onde posteriormente surgiram os povoados de Formiga, Piu-In, Patrocínio e Coromandel para alcançar a divisa das capitanias de Goiás e Minas. Por outra via, seguia-se pelo caminho novo, passando por Vila Rica e Sabará, na atualmente denominada Estrada Real, até alcançar-se a não menos cosmopolita Paracatu do Príncipe. De Paracatu, essa Picada de Goiás seguia para o nosso conhecido Registro Fiscal de Arrependidos, infletindo para o sudoeste goiano em direção ao rio São Bartolomeu, onde, nos domínios povoados pelas áreas de mineração do Arraial de Santa Luzia, outra contagem cobrava passagem dos que por ali passavam. Prosseguindo a jornada, os viajantes, passando pelo entroncamento existente no Arraial de Meia Ponte, atingiam o suposto destino final em Vila Boa de Goiás. Esse itinerário foi o que, no início do século XIX, Saint-Hilaire percorreu na sua épica viagem à Província de Goiás.

Carmo do Parnaíba/MG
Foto: Helder Vitor
Nota: Continuação da Estrada Real, a Picada de Goiás, também conhecida por Estrada Geral, ligava o litoral do Brasil, partindo da cidade do Rio de Janeiro, à capital da capitania de Goiás, o arraial de Vila Boa
 Fonte: A Picada de Goiás http://migre.me/lxFZe