sábado, 5 de novembro de 2016

Fotógrafo reúne paisagens e lendas da Serra da Mantiqueira em livro (Transcrição)

Daniel CorráDo G1 Vale do Paraíba e Região
08/03/2015 11h06 - Atualizado em 09/03/2015 10h44
Ricardo Martins lança novo livro em São José dos Campos nesta terça (10). - Trabalho reúne imagens feitas em mais de dez cidades da região.

 


Fotógrafo registrou um dos últimos tropeiros da região no trabalho (Foto: Arquivo Pessoal/Ricardo Martins)
Ela tem mais de 60 milhões de anos, mas sua beleza impressiona com traços e curvas que parecem ter sido desenhados. É justamente essa beleza, que rodeia e compõe a Serra da Mantiqueira, o tema do novo livro do fotógrafo Ricardo Martins, de São José dos Campos (SP).
Premiado com o Jabuti de 2012 (um dos mais importantes da literatura brasileira) na categoria fotografia, Martins lança seu novo trabalho intitulado “Amantikir, a serra que chora”, reunindo paisagens, lendas e personagens da serra, que se estende pelos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais (veja a galeria com as principais imagens).
“Eu sempre ficava namorando a Serra da Mantiqueira e um dia veio o estalo para fazer este trabalho. Queria mostrar mais e conhecer mais o que tem dentro dessa serra”, conta Martins. Para a produção do livro, o fotógrafo percorreu mais de 10 cidades entre São Paulo e Minas durante 45 dias – a maior parte do tempo sozinho em meio à natureza.
saiba mais
Fotógrafo joseense representa o Brasil em exposição fotográfica no Irã
Fotógrafo lança livro sobre fauna de São Paulo para crianças
VEJA GALERIA DE FOTOS “O físico exige bastante, principalmente carregando equipamentos pesados e passando algumas noites na mata, mas este foi o primeiro livro que quis fazer sozinho e ficar mais na minha. Queria resgatar o que eu tinha na minha infância, quando eu andava no meio da mata”, explica o profissional, que está na publicação do seu sexto título.
O trabalho de Martins reúne diferentes paisagens da Serra e impressiona pela beleza natural da região e qualidade técnica dos registros. Além de imagens, o livro também conta com histórias de personagens da Mantiqueira, como um dos últimos tropeiros da região em Piquete (SP), e lendas que datam dos séculos XVI e XVII, como a de um suposto gigante adormecido em meio à rochas e montanhas.
Para o fotógrafo, o envolvimento de maneira intensa com o ambiente retratado contribuiu para o resultado final do livro. A obra ainda contou com um período de pesquisa sobre a região e reconhecimento dos lugares retratados. “Fotografia não é só registro pra mim, ela tem alma. Preciso dessa imersão, preciso me envolver com o lugar. A fotografia é mágica porque é a maneira de materializar meus sentimentos”, afirma.